Black Room - 10.10.2013 Not Landed - Parte 1


É sempre triste falar sobre aquela sessão de fotos que descansará para sempre sozinha dentro de nossa memória. Algo que chegou perto, mas nunca se concretizou.

 

Tô falando das fotos que acabaram não sendo publicadas. São várias razões: o lugar não existe mais, você nunca mais volta no pico, o skatista se machuca e não consegue voltar a manobra, e por aí vai… Para nós, fotógrafos, é uma pena saber que fotos tão boas não serão vistas pelo resto do mundo.

 

Por isso, pensei em mostrar algumas fotos por aqui, pra vocês verem a quantidade de imagens boas que “poderiam existir”, mas uma força maior impediu.

 

Fabio Gheraldini, nosebump. (Caetano Oliveira)

 

Estávamos trabalhando para finalizar a entrevista e já tínhamos a foto. Quando ele voltou pra acertar a manobra, viu que construíram um portão bem na ida do pico, tornando o sonho impossível. Uma pena.

 

João Henrique Rodrigues, fs blunt. (Caetano Oliveira)

 

Estávamos dentro da faculdade de Goiânia e ele estava quase voltando esse fs blunt cabuloso, mas bateu forte a cabeça no chão e não conseguiu mais tentar. Quais seriam as possibilidades de estar com ele em Goiânia novamente? Mais fácil ganhar na loto…

 

Sebastian Carballo, wallride nollie out. (Caetano Oliveira)

 

Esse pico é no Uruguai; estava em uma tour quando fotografei o Sebá. Ele quase voltou, mas acabou a luz. A foto estava pronta e disse pra ele acertar a manobra que usaríamos a foto mas, infelizmente, reformaram o pico e essa parede e escada não existem mais. Fiquei triste com isso porque gosto muito dessa foto e dessa manobra. Ia ficar um puta trampo.

 

P.S.: A Black Media adverte que é feio publicar fotos e vídeos de manobras não voltadas de verdade!

 

por Caetano Oliveira

 

Share